Para estimular arte e cultura, Shopping Benfica disponibiliza piano para uso do público

Imagine chegar ao shopping e ser recepcionado por um músico tocando piano ao vivo? Ou ter a oportunidade de você, instrumentista amador ou profissional, mostrar seu talento, em público, sem custos? No Shopping Benfica, as duas experiências são realidade, em ação inédita que visa a estimular a arte e cultura.

Desde setembro, o empreendimento, em ação inédita, disponibiliza piano, para que o público que sabe tocar possa utilizá-lo e, todo sábado, os clientes são recepcionados com show de profissional, às 10h.

Quem passou pela experiência foi o Iarley Medeiros, que estava passeando pelo Shopping Benfica com o seu irmão. Quando viu o piano, não pensou duas vezes e foi logo tocar. “Faz uns quatro anos que eu toco teclado e piano. Aprendi por meio de um aplicativo e hoje toco em casamentos. Eu sempre via no YouTube vídeos de piano nos shoppings e aeroportos americanos e pensava ‘Quem dera se isso acontecesse aqui em Fortaleza’. Quando eu vi o instrumento no shopping, me aproximei e já comecei a tocar. No vídeo, que foi gravado do momento, eu não paro de sorrir. A experiência foi muito gratificante”, conta.

De acordo com a Gerente de Marketing e Responsabilidade Social do Shopping Benfica, Camila Garcia, a cultura é um dos principais pilares do empreendimento. “Não por acaso, ao longo de todo o ano, realizamos e sediamos diversas ações e eventos que envolvem a arte em suas mais diferentes manifestações. Disponibilizar um piano no nosso espaço é valioso não só para quem vai tocar, mas para todos os frequentadores, que são presenteados com música de boa qualidade e ao vivo”, destaca.

Para a amiga do Iarley, Hanna Abreu, que também participou do momento soltando a voz, a ação proporcionou conexões. “Chegamos ao local onde estava o piano e quando o Iarley começou a tocar, eu acompanhei cantando e logo depois apareceu outras pessoas querendo cantar e tocar, participar conosco daquele momento. A música tem esse poder de conectar e de fazer com que pessoas diferentes falem a mesma língua. Achei muito legal e espero que tenha mais vezes e também de formas diferentes”, completa.

Compartilhar:

ultimas

Assine nossa newsletter e receba todas as novidades !